YesPets. O Portal do mundo animal.
Se desejar buscar por região,
clique no mapa ao lado.

Encontre aqui o serviço que você procura.

Clique no mapa para selecionar a região desejada.

Mais votados

Pets

Últimos animais de estimação cadastrados

Cadastre seu amigão
  • Revista
  • Artigos
  • Dicas
  • Notícias
+ Recentes
+ Lidas

DogWalkerCastro

Classificação
Votos: 2
Atuamos nessa região

FALE COM O PRESTADOR

Sobre o serviço

Trabalhamos pra Cachorro.

#Doe Vida #DoeSangueCanino

" A Diversão que seu Cão merece com o Profissional que o Dono Procura!"

Consulte-nos!


Descrição

Prestação de Serviço para Animais de Estimação: Cães.


Passeio Educativo;

Socialização;

Assessoria Comportamental;

Cadastro de Doadores de Sangue Canino.

"A Diversão que seu Cão merece
com o Profissional que o Dono procura!"

Missão:

Promover o equilíbrio do temperamento e comportamento funcional de inteligência e obediência canino, estimulando positivamente sem condiciona-lo ao vício de recompensa com petiscos, integrando-os adequadamente à sociedade e ao lar.

Visão:

Propagar a conscientização da melhor convivência na relação cão-humano-cão, em todos os níveis, colaborando com Campanhas de Doação de Sangue Canino, Conscientização da Castração (Prevenção de Doenças), Imunização (vacinação), identificação, adoção e posse responsável, colaborando para uma socialização adequada, equilibrada e feliz.

Valores:

Exercício: Essa deve ser a primeira e mais importante atividade praticada em conjunto pelo cão e seu dono;
Disciplina: Deve ser aplicada com o estabelecimento de regras, limites e restrições entre o cão e seu dono. Disciplina também quer dizer regularidade com a tarefas e atividades dadas;
Carinho: Essa deve ser a última atividade realizada com o cão pelo dono. O carinho também é usado como recompensa por bom comportamento. (De preferência, sem o uso da voz e pouco petisco).


APRESENTAÇÃO

Dog Walker Castro, iniciou suas atividades em Janeiro/2013, por Denis Castro. Pioneiro no bairro de Vila Guilherme, Zona Norte de São Paulo, somos especializados em comportamento canino.

No início eu tinha um logotipo e alguns cartões de visita feitos de última hora, e, acima de tudo, uma ideia clara e objetiva do quero me tornar. Eu desejo colaborar com mais cães como as centenas de animais com problemas que encontro.

A ausência de exercícios físicos acarretam distúrbios de diversos sintomas, independentemente da idade, raça e sexo!

Ao incorporar cães em ambientes construídos pelo homem, em áreas urbanas e rurais, é sempre relevante considerar a importância da promoção e preservação da saúde física e mental da matilha, o equilíbrio ecológico e o bem estar animal.

Todo nosso trabalho é desenvolvido com base nas diretrizes da psicologia canina e posse responsável, com o Tripé:

*Exercício: Essa deve ser a primeira e mais importante atividade praticada em conjunto pelo cão e Dog Walker Castro;

*Disciplina: Deve ser aplicados com o escalonamento de regras, limites e restrições entre o cão e matilha-família. Disciplina também quer dizer regularidade das tarefas e com as atividades indicadas;

*Carinho: Essa deve ser a última atividade realizada com o cão. O carinho também é usado como recompensa por bom comportamento.

Segurança sem comprometer a diversão do seu cão é nossa missão diária. Com diferenças de idade, de personalidade e de condicionamento físico, nos esforçamos e realizamos programas para oferecer tratamento diferenciado a cada cão atendido.

Amamos os animais e, por isso, não comprometeremos saúde e satisfação por um ganho monetário, nunca!

Os grupos são limitados em até 3 cães por passeio e também oferecemos passeio individual para aquele que assim o desejar.

Sempre trataremos seu cão com o amor e a atenção que ele merece, pois temos os padrões mais elevados!


COMPREENDENDO O MUNDO CANINO

Muitos conflitos ocorrem entre humanos e cachorros por simples desentendimento. Quanto mais observarmos os cães e seu meio de comunicação, melhor será nosso entendimento e maior o nosso amor por eles.

Quanto melhor for nossa comunicação, maior será a harmonia e menor o estresse dessa relação. Devemos evitar a qualquer custo decepcionar o cão afetivamente.

Estudos mostraram que, quanto mais o cão amá-lo, melhor e mais rápido será seu condicionamento. Quanto maior a confiança e o amor pelo seu dono, menor será a sua ansiedade e maior será a vontade de fazer certo!

No mundo animal, não existe moralidade, certo ou errado. Por outro lado, os animais nunca enganam para ter poder - eles não conseguem.

*No reino animal, só existe regras, rotinas e rituais - com base na sobrevivência do mais forte, e, em um cão, está sempre ligada ao sistema límbico, à parte do cérebro responsável pela emoção, e são capazes de detectar ácido butírico - um dos componentes da transpiração dos seres humanos - a uma concentração um milhão de vezes mais baixa do que a que conseguimos. Basicamente, seu cão é um "detector de mentiras" ambulante!

Na prática, você pode berrar até perder o fôlego para que seu cão te obedeça, mas, se você não estiver equilibrado emocionalmente, é bem provável que ele não obedecerá na hora, e pior, irá fazer alguma traquinagem logo que você der as costas.

Os cães percebem o tom de voz alterado dos humanos como um estado emocional fora do controle, um sinal de instabilidade, portanto, ele não vai ligar para seu escândalo, ou vai ficar confuso e assustado*.


PORQUE PASSEAR COM DOG WALKER CASTRO?

Não é nada fácil explicar para os proprietários que os cães precisavam de exercícios diários, não só adestramento, para ter saúde física e mental, assim como para solucionar questões de comportamento mais comuns.

A partir disso e com foco 100% no cão e na qualidade do serviço, procuramos proporcionar aos cães o que eles realmente desejavam:

Passeio divertido, ativo e que incentiva a interação entre eles, as pessoas e a natureza.

Ao focar nos cães, entendemos que também focamos em humanos, pois conseguimos transmitir a eles a hierarquia necessária para o equilíbrio da matilha.

Muitas pessoas acreditam que qualquer um pode fazê-lo, e é um grande engano.

Além de amar os cães, deve-se conhecer o mercado, psicologia canina, assiduidade e extremamente responsável para que tenha uma atividade com qualidade.

Somos qualificado e capacitado em primeiros socorros e comportamento canino (Etologia Canina), preocupando-nos, além disso, com a observação de eventual anomalia, selecionando cães sadios, eliminando o risco de inconvenientes.

A fim de tornar os grupos homogêneos, realizando atividade recreativa buscando conhecer melhor as características e gostos particulares.

Para a maioria, os cães são membros da família, necessitando de cuidados especiais, personalizados, com responsabilidade e amor.

Caminhar com os cães é considerado um excelente exercício, que pode ser realizado por cães de todas as raças e idades. Este tipo de atividade evita o sedentarismo e, consequentemente, a obesidade, regularizando o condicionamento físico e equilibrando seu temperamento.

Muitos cães - principalmente os que não possuem espaço para brincar e os que passam grandes períodos sozinhos, afastados de seus donos ou do convívio de outros da mesma espécie - desenvolvem estresse. Para este mal, passear é um ótimo remédio.

Assim como os seres humanos, os cães necessitam de passeios, exercícios, outros odores, socialização com o ambiente externo, e de um líder, e é você, o dono. Na maioria das vezes, os cães são líderes no mundo dos humanos porque as pessoas dizem:

"Não é uma gracinha? Ele está tentando me falar alguma coisa". É a velha síndrome de Lassie: "O que foi Lassie? O vovô caiu dentro do poço?" Sim, ser humano, nesse caso seu cão está tentando lhe dizer algo - está fazendo você se lembrar de que ele é o líder, e você, o seguidor.

Então, quando você acorda na hora que quiser, você é o líder da matilha.
Quando abre a porta porque quer, é o líder.
Quando sai de casa antes de seu cão, é o líder.
Quando toma as decisões em sua casa, é o líder.
E não estou falando sobre 80% do tempo.
Estou falando sobre 100% do tempo.
Se você exercer apenas 80% da liderança, seu cão o seguirá em apenas 80% do tempo.
E nos outros 20% ele comandará o espetáculo.
Se você der ao seu cão a oportunidade de ser líder, ele não vai desperdiçá-la.

Um dono responsável e consciente das necessidades básicas para a melhor qualidade de vida, e que por algum motivo não disponibiliza desse tempo/espaço para com o seu patuto, ficando sozinhos em casas e apartamentos, é indicado o profissional que conheça sobre saúde animal (primeiros socorros, vacinas etc) e comportamento canino (psicologia canina, adestramento básico mínimo etc.), além de amá-los!

Não há restrição, apenas particularidades quanto à duração e frequência dos passeios, levando-se em conta o nível de energia do animal, seu interesse por exercícios, condicionamento físico, obesidade e envelhecimento.

Além de problemas locomotores como displasias, luxações, artroses e degenerações ósseas. É importante adaptar o passeio de forma individual, respeitando os limites e sem causar danos ao organismo.


A Profissão - DOG WALKER, "Passeador de Cães??.

A profissão de Dog Walker (Passeador de Cães) surgiu nas grandes metrópoles dos EUA e Europa, e na nossa vizinha Argentina, onde essa profissão é devidamente regulamentada.

No Brasil, essa profissão está em expansão nas grandes capitais, devido ao grande número de cães em casas, apartamentos e condomínios.

Os proprietários por se ausentarem na maior parte do dia, ficam sem tempo de garantir a integração do cão com o mundo exterior diariamente, e é ai que entra o profissional Dog Walker Castro, proporcionando exercícios, disciplina, diversão, carinho, socialização com a natureza, humanos e outros cães, equilibrando seu temperamento, melhorando a qualidade de vida e bem estar do seu animal de estimação, deixando-o mais feliz, equilibrado e obediente, ou seja, um cão saudável e feliz.



ANTES DE INICIAR O PASSEIO

Para participar dos passeios, o cão deve realizar avaliação de comportamento e de saúde. (Agendamento = Visita + Entrevista + Test-Dog).

Para isso, agendamos uma primeira visita e vamos até a sua residência conhecer vocês.

A visita é importante para que possamos conversar antecipadamente e estabelecer a frequência ideal, levando em consideração o histórico do cachorro e condicionamento físico,
além de quaisquer particularidades referentes à raça, idade ou saúde que ele possa apresentar.

É o momento de tirar todas as dúvidas que ainda possam existir!

É muito interessante transmitir um relato minucioso dos transtornos e seguir as orientações necessárias sobre as questões comportamentais e temperamentais, sem esquecer-se do histórico de saúde do animal.

A eficácia no desenvolvimento comportamental e temperamental do cão depende também da cooperação na prática, disciplina, e envolvimento dos donos.

A entrevista e depois o test-dog são de extrema importância, pois estabelece a frequência ideal e trajetos, levando em consideração o histórico do animal, levando-se em conta o nível de energia do animal, seu interesse por exercícios, condicionamento físico, obesidade e idade.

Além de problemas locomotores como displasias, luxações, artroses e degenerações ósseas.

É importante adaptar o passeio de forma individual, respeitando os limites e sem causar danos ao organismo.

Não misturamos cães de pequeno com os de grande porte, o cão deverá aprender alguns comandos de obediência, evitando transtornos nos passeios, ou seja, nada de cão robô nem artista de circo, nosso objetivo é proporcionar exercício, disciplina e carinho, melhorando a qualidade de vida e equilíbrio físico e mental ao cão.

Para cada dono seu cão é o mais inteligente do mundo, só falta falar.

Porém, o critério de avaliação da inteligência canina baseia-se na facilidade que o cão tem em aprender e atender prontamente os comandos dados pelo dono ou condutor.

Não existem cães ?não inteligentes?, mas sim aqueles que, pelo seu temperamento, não atendem ou obedecem a comandos ensinados, simplesmente por desafiar a autoridade do dono.


REGRAS DE SAÚDE E HIGIENE

Cuidados básicos para garantir o desenvolvimento adequado e proteger o animal de doenças:

Vacinação em dia (Ex: V10, V8);

Controle de Pulgas e Carrapatos;

Fêmeas não podem estar no cio;

Cães doentes ou não vacinados;

VACINAS

Aos 2 meses de idade: vacina V10;
Aos 3 meses de idade: reforço da V10 + Giardiavax;
Aos 3 meses e 1/2 de idade: vacina de Gripe;
Aos 4 meses de idade: reforço da V10 + Giardiavax;
Aos 4 meses e 1/2 de idade: Vacina contra Raiva;
Semestralmente: vacina contra Leptospirose;
Anualmente: V10 + Giardiavax + Gripe + Raiva.

Para quem frequenta a praia ou região de lagos e pretende levar seu cão, é preciso fazer a prevenção contra a Dirofilariose, doença causada por um verme que se aloja no coração do cachorro e é transmitido pela picada de um inseto típico dessas regiões.

Existem medicamentos específicos usados na prevenção da doença e a dose deve ser adequada ao peso do animal. Pulgas, carrapatos, dermatite seborreia e outros problemas de pele devem ser tratados assim que observados pelo dono. Existem outras vacinas além da V8, como por exemplo: Quádrupla Leptospirose, etc.

Consulte sempre um Médico Veterinário, pois ele saberá o melhor esquema de vacinação para seu animal.

Todas as vacinas têm prazo de validade e devem ser repetidas. Visitas frequentes ao veterinário são necessárias, tanto na infância quanto na idade adulta.

Para a garantia da qualidade e segurança, solicitamos a carteira de vacinação em dia para iniciar os trabalhos.


Doe Vida, Doe Sangue Canino!

Saiba mais sobre a Doação de Sangue Canino.

CONSULTE-NOS!



PASSEIO EDUCATIVO!

Vamos até você com hora marcada e buscamos seu cão para um divertido e prazeroso passeio.

Relatamos qualquer anomalia física, comportamental, emocional e nas fezes, evitando mal estar ou indício de alguma enfermidade.

Os cuidados diários necessários para a qualidade de vida dos cães se confrontam com a falta de tempo/espaço, trancados em apartamentos e casas ficando suscetíveis às doenças, sedentarismo, obesidade, desobediência, agressividade e estresse por exemplo.

O passeio educativo e a socialização são importantes para os cães gastarem energia, reduzindo comportamentos indesejados como latir em excesso, agitação, lambeduras e roeduras em móveis e objetos, e mais, a rotina dos passeios condiciona os cães a fazerem suas necessidades em lugares externos apropriados (ideais em gramados, praças, parques etc.), minimizando o desconforto da sujeira no seu habitat.

Por exemplo, como o líder geralmente anda à frente, a maioria dos cães procura ocuparem essa posição. Modifique esse comportamento já é uma boa maneira de controlar a escalada da hierarquia pelo seu cão.

Mas como fazer isto? É muito fácil, simplesmente engane o seu cachorro algumas vezes, na coleira e com a guia finja que vai para um lado, vire para o lado oposto e saia andando;

Quando ele ultrapassá-lo novamente, vire para o outro lado, e assim por diante.


Não demorará muito para que ele desista de andar à frente e passe a prestar mais atenção a seus movimentos. Pronto, não doeu nada e, por incrível que pareça, esse cachorro já estará em melhores condições de ser educado e treinado.

O mesmo cuidado deve ser tomado ao passar por portas ou portões: sempre conduza seu cão.

Algumas pessoas ficam impressionadas com o fato de seu cão magicamente deixar de fazer xixi pela casa ou de parar de morder as visitas, simplesmente por terem exigido que ele esperasse que elas passassem em primeiro lugar.

De mágica isso não tem nada.

O fato é que, ao restaurar o domínio, automaticamente outros comportamentos foram alterados, como o da demarcação de território.



SOCIALIZAÇÃO

É um dos processos fundamentais que influenciarão de forma positiva na vida do cão.

É de vital importância para o futuro de um cão amável, agradável, valente, equilibrado e feliz, que um cão seja ele de pequeno, médio grande porte, tenha um bom processo de socialização, assim, compreende comportamentos adequados ao convívio com a natureza, demais cães e pessoas.

Trabalha-se a sensibilidade, tolerância, harmonia e equilíbrio na condução em diversas situações do cotidiano.

Nos casos de cães assustadiços ou que apresentem traços de agressividade, quase sempre estão relacionados com más experiências passadas, traumas psíquicos e físicos.

Os cães vivenciam o mundo por meio do olfato, da visão e, depois, do som - nessa ordem.

É vital lembrar isso se quisermos nos comunicar corretamente com eles. Nunca se esqueça desta fórmula: Focinho, Olhos, Ouvidos.

Repita a ordem para si mesmo, até tornar-se algo automático e natural.
Quando o cão tem entre 01 e 02 meses deve-se controlar a intensidade da mordedura e limites.

Após o período de vacinação, iniciam-se a socialização ambientes externos, natureza etc.

E não há limite de idade! Se você tem um cão velhinho, por exemplo, ele também pode prender.

Todos os cães têm as mesmas habilidades inatas, mas algumas raças foram selecionadas de modo a acentuar certas características.

Existe o costume de associar, erroneamente, essas habilidades condicionadas à personalidade
do cão. Uma habilidade condicionada é a de farejar.

Pelo modo como os sabujos foram criados, essa raça é a melhor nesse quesito.

Eles são capazes de farejar por períodos mais longos. Não se importam se fazem ou não uma parada para se alimentar, contanto que localizem aquele cheiro! Na verdade, as necessidades especiais que determinado cão pode ter por causa da raça são uma das coisas mais importantes que um novo dono de cachorro deve levar em conta ao escolher a raça de seu animal de estimação.

Mas, quando o Husky siberiano se sente frustrado, desenvolve os mesmos sintomas apresentados por um Dachshund frustrado. Ou por um Pit Bull frustrado. Ou por um Greyhound frustrado.

Nervosismo, medo, agressividade, tensão, comportamento de defesa territorial - todos esses problemas e doenças surgem quando o animal e o cão dentro dele ficam frustrados.

Não importa qual é a raça. É por isso que é um engano se preocupar com a raça quando se lida com problemas comportamentais.

Para os cães, só existem dois papéis num relacionamento: o de líder e o de seguidor. Dominante e submisso. Ou é branco ou é preto - não existe meio-termo no mundo canino.

Quando um cão vive com um ser humano, para que este seja capaz de controlar o comportamento do animal, deve se comprometer a assumir o papel de líder 100% do tempo.

Simples assim. Submisso, como dizemos aqui, não é um julgamento ético.

Não designa um ser humano ou um animal fraco. Submisso não quer dizer vulnerável ou ineficiente.

É simplesmente a energia e o estado de espírito de um seguidor.

Entre todas as espécies que vivem em grupos, deve haver certo grau de dominância e submissão para que a hierarquia dê certo.


CONHECENDO A METODOLOGIA - ?CFIOC?

Por incentivar as atitudes corretas, atuando com reforço positivo sem recompensas de petiscos, "CFIOC" traz boas consequências para o ser humano também, pois adequamos o cão (Matilha) a novos conceitos de relacionamento que possibilitam o cão aos novos comandos, mantendo o equilíbrio necessário para o bem estar de todos envolvidos. Assertividade, Disciplina, Exercícios, Carinho, Diversão são alguns dos ingredientes da técnica. E mais:

Habitue o cão à sua voz e ao nome dele: fale bastante com ele nos primeiros dias que estiver consigo;

Seja equilibrado: uma pessoa instável e nervosa não pode exigir que o cão seja calmo e equilibrado;

Não bata: isto prejudica a autoconfiança, o raciocínio e a atenção do cão;

Defina bem as proibições: Logo que o cão chegar, defina juntamente com seus familiares um código de conduta para ele. Todos devem coibi-lo nas infrações;

Evite maus hábitos: não deixe chinelos, meias, sapatos etc perto do cão, nem permita o acesso a lugares que possam causar problemas, roer pé de mesa etc;

Para os cães a hierarquia é obrigatória, todos os cães sabem exatamente o lugar que ocupam na ordem dentro do grupo;
Cada posição e cada atitude têm significado para os outros cães.

Um cão pode rosnar e ameaçar brigar até que o outro saia de perto, corra ou fique numa posição que queira dizer "ok, você é o chefe".

Esse é o sentido que têm as posições vulneráveis que permitem ao vencedor fazer o que quiser inclusive tirar a vida do subordinado.

Existem duas posições clássicas: ou o animal vencido se deita com a barriga virada para cima (expondo a parte frágil da barriga) ou se curva mostrando a nuca (que também é frágil).

Em ambas as posições as orelhas ficam coladas à cabeça (ou para trás) e a ponta da língua permanece fora da boca.

Ou pode andar todo esticado em torno do oponente, com a cauda erguida e o pêlo arrepiado Isso significa: "Sou líder!" Se o outro aceitar o domínio irá assumir uma posição de submissão; se não aceitar a hierarquia proposta, irá partir para a briga até que haja um vencedor que submeterá o outro.

Por exemplo, quando o seu cachorro estiver aterrorizado com raios e trovões em meio a uma tempestade, postura ereta e andar firmemente significa que você tomará conta da situação. Isto o acalmará.

Se você, em vez disso, se abaixar e acariciar o cachorro poderá amedrontá-lo ainda mais, pois na linguagem canina estará passando o comando para ele e mostrando que também está com medo.

Para o cão, a nossa família é a matilha à qual ele pertence. É isto mesmo, para ele, nós também somos cachorros! Ele tentará descobrir qual a posição que ocupa entre os membros da família.

Mesmo que goste muito das pessoas, se o seu cão acreditar que poderá liderar a matilha irá disputar o poder com você de inúmeras formas, a maioria delas super-desagradáveis! Carinho e afeto para ele não impedem disputas pela hierarquia.

Ser o líder da matilha significa proteger os demais membros e impor as regras para que a matilha prospere. Podemos observar dois cães se lambendo e mostrando afetividade não muito depois de terem disputado a liderança a mordidas.

São as melhores formas para mostrar ao animal de maneira agradável quais são os comportamentos corretos, sem vícios de recompensa, condicionando ao temperamento equilibrado, obediente, dócil e feliz.

Não existe uma única técnica milagrosa que funcione para todos os cães. Não existe a quantidade exata de aulas a ser feita e também não existe o melhor exercício do mundo.

Cada cão e dono têm sua personalidade, os cães respondem a estímulos de forma e frequências diferentes, tem suas manias, sensibilidades e necessidades diferenciadas.

Sabendo disso, sempre preparamos a metodologia de trabalho totalmente personalizada, de acordo com suas características, reabilitando seu cão com o carinho, respeito, equilíbrio e responsabilidade que ele merece.

A personalização é concomitante as informações relatadas na entrevista, bem como pelo test-dog, orientamos os limites que ajudarão a resolver problemas comportamentais - como xixi e fezes no lugar errado, latidos em excesso, ansiedade, roeduras indesejáveis, ruivos incessantes entre outros.

Além de contribuir para a inibição de comportamentos indesejados relacionados ao ambiente interno, externo, natureza, pessoas e outros cães. Para explicar de modo simples, cachorros não são seres humanos em tamanho reduzido.

Eles não pensam como seres humanos, não agem como seres humanos e não enxergam o mundo como seres humanos. Cães são cães, e é como tais que devemos respeitá-los.

Prestam um grande desserviço a eles quando os tratamos como seres humanos e, assim, criamos muitos dos problemas que vemos hoje em dia.

Com uma abordagem calma, confiante e assertiva a parte mais importante no treinamento de um cão é a construção de um bom relacionamento entre o homem, animal e natureza, no qual os limites entre eles sejam bem estabelecidos.

* Relato de Caso: Em um final de semana comum do mês de Maio/2008, encontrei em uma rua próxima a minha casa, um exemplar da raça American Pit Bull Terrier, branco com manchas em caramelo, magro e com algumas feridas, sem coleira/identificação e com aquele olhar de quem precisa de lar, não pensei duas vezes, ele é meu, vou adotá-lo e levei-o pra casa.

Sendo muito franco, a minha mãe não ficou muito feliz, pois alguns anos atrás perdemos a Zilu, uma cadela SRD que passou bons anos em nossa convivência, porém, faleceu inesperadamente, provavelmente envenenada e com isso, traumatizando-a, e desde então, minha mãe se negava em ter outro bichano. Ele é meu primeiro Pit Bull, e ainda é eu, sempre quis um cão de raça, e não sou a favor da compra pelos inúmeros cães abandonados como ele.
Batizado de Freddy foi ele quem me espirou (cobaia rs) a iniciar o processo de reabilitação com a metodologia CFIOC - "Condicionamento Funcional de Inteligência e Obediência Canina", ele tinha muito medo de qualquer barulho e se assustava com facilidade com qualquer coisa, porém, jamais demonstrou agressividade com humanos.*

Atualmente as pessoas diriam: "Que cachorro bem Adestrado!" Mas não houve ?adestramento? e sim Reabilitação de Comportamento para equilíbrio da matilha.

Seu bom comportamento se deve ao relacionamento que mantemos, com base nos três elementos principais: Rotina de Passeios, Disciplina e Carinho, nessa ordem.

Os cães de hoje, na sociedade moderna, demonstram uma carência singular - e é perceptível em seus olhos e em sua energia também.

A maioria dos casos envolve simplesmente cães que precisam de liderança mais forte por parte dos donos, além de regras, limites, restrições e consistência em seus lares para melhorarem seu comportamento e obediência.

Cães, geralmente, aprendem os comandos básicos em um prazo variando de 4 a 6 meses. É importante ressaltar que fatores como o convívio familiar, temperamento do animal e frequência dos passeios podem influenciar e resultar no aumento ou na diminuição do tempo de socialização e aprendizado.



HORÁRIO

Nosso atendimento ao cliente é de Segunda á Sexta, das 07h00 ás 18h00.

Atendimento aos Sábados/Domingos e Feriados - Consulte-nos!

Fones:

11. 9 4196-2363 (VIVO);

Envie-nos um e-mail para:

dogwalkerdeniscastro@hotmail.com

Facebook/DogwalkerCastro

Duração dos Passeios: 01 hora/Dia. (dependendo das condições de saúde, porte, idade e outras particularidades do cão, pode variar)

Agende sua visita!

Todos os manejos são realizados com intervalos para descanso, necessidades fisiológicas e água, lembrando que sempre serão respeitadas as tipicidades de raça, idade, peso e eventuais restrições físicas e de saúde do cão.


ÁREAS DE ATUAÇÃO

Regiões: SP ? Capital.

Outras Regiões, Favor Consultar.

(Parques, Praças, e trajetos próximos à residência, para que gradativamente problemas com a vizinhança serão eliminados.)



INVESTIMENTO

Pacotes e Valores

1x Semana - 04 Passeios/Mês = $ 120,00;

2x Semana - 08 Passeios/Mês = $ 240,00;

3x Semana - 12 Passeios/Mês = $ 360,00;

4x Semana - 16 Passeios/Mês = $ 480,00;

5x Semana - 20 Passeios/Mês = $ 600,00;

Passeio Educativo Avulso: $ 35,00;

Escolha e Educação de Filhote: $ 35,00

Assessoria Comportamental: $ 50,00


? Valores para os Pacotes Mensais serão calculados com Desconto de 20% para clientes com mais de 1 cão aderindo ao pacote de mínimo 3x Semana, válidos para pagamento á vista ou em até 2x. (Ato e 30 dias).

Sujeitos à variação conforme quantidade efetiva de passeios realizados no mês utilizado.

? Vigentes para a Capital de SP.
? Litoral e Interior, Valores á consultar;
? Todos os valores até o final do segundo semestre de 2014 e sujeitos a reajustes previamente comunicados.

Proibido a reprodução total ou parcial sem prévia autorização - Lei N. 9610/98 - Direitos Autorais - DogWalkerCastro®.

Informações

(11) 9419-62363 / (11) 9634-94783
dogwalkercastro@gmail.com

Fotos

Qual a sua opinião?

Se você utilizou os serviços deste prestador, qual nota você daria a ele?
DogWalkerCastro
(y)
Política de Privacidade
©Copyright 2013, Yespets Publicidade na Internet LTDA
Alerta
Ok
Carregando
Erro

Não foi possível ler a página!